Diretora apresenta prioridades do DIAHV a coordenadores de estados e municípios

Diretora apresenta prioridades do DIAHV a coordenadores de estados e municípios

Diretora apresenta prioridades do DIAHV a coordenadores de estados e municípios
Destaques são Prevenção Combinada e novas atribuições dos centros de Testagem e Atendimento

A diretora do Departamento de Vigilância, Prevenção e Controle das IST, do HIV/Aids e das Hepatites Virais (DIAHV), Adele Benzaken, apresentou nesta terça-feira (26/09) – durante Reunião de Coordenadores Estaduais e Municipais de HIV/Aids – as prioridades da gestão em 2017, como parte das atividades que antecedem o 11º Congresso de HIV/Aids e 4º Congresso de Hepatites Virais realizado até sexta-feira (29/09) em Curitiba.

Dentre as prioridades – sob a perspectiva da Prevenção Combinada – estão ações com a sociedade civil; a atenção às populações prioritárias; a redução da transmissão vertical da sífilis, do HIV e da hepatite B; a implementação da Profilaxia Pré-Exposição (PrEP) no Sistema Único de Saúde (SUS); e a ampliação do tratamento de pessoas vivendo com HIV (PVHIV).

A diretora destacou também as novas atribuições dos centros de Testagem e Atendimento (CTAs) na rede de atenção à saúde. “Queremos CTAs que possam contemplar tudo o que preconiza a Prevenção Combinada, ampliando seu escopo de função e de utilidade para o atendimento à população”, disse Adele.

Para a diretora, a comunicação das coordenações estaduais e municipais com o DIAHV – com informações atualizadas sobre as propostas e ações de ambas as partes – é essencial para a melhoria dos serviços às PVHIV. “Não queremos interferir no trabalho dos municípios – mas precisamos saber o que é planejado, e queremos que as coordenações também conheçam o nosso planejamento”, disse.

 

publicado em
27/09/2017 - 09:53